A Câmara Municipal de Lisboa aprovou esta quarta-feira a atribuição da Medalha Municipal, no Grau Ouro, ao ator norte-americano John Malkovich, que estará em Lisboa em novembro no âmbito do Lisbon & Estoril Film Festival.

 

A atribuição da medalha, proposta pela vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto (PS), foi aprovada por unanimidade.

 

Na proposta, a vereadora recorda que a carreira cinematográfica de John Malkovich é marcada por vários filmes realizados em Portugal, nomeadamente os filmes de Manoel de Oliveira «O Convento» (1995), «Vou para Casa» (2001) e «Um Filme Falado» (2003).

 

O ator participou ainda em filmes com produção nacional, tendo feito parte do elenco de «Linhas de Wellington», produzido por Paulo Branco.

 

«A paixão de John Malkovich por Lisboa e por Portugal é reconhecida e o ator mantém-se um porta-voz internacional encantado com a afabilidade local, a geografia e o clima da cidade, a arquitetura e a diversidade cultural», pode ler-se na proposta.

 

Para Catarina Vaz Pinto, «é através do seu envolvimento com o cinema português que John Malkovich estabelece e aprofunda a sua ligação afetiva com Lisboa e com o país»

.

John Malkovich é um dos homenageados da edição deste ano do Lisbon & Estoril Film Festival, que decorre de 07 a 16 de novembro em várias salas de Lisboa e do Estoril (concelho de Cascais).

 

O festival acolherá, em estreia, a exposição «Malkovich, Malkovich, Malkovich: Homage to photographic masters», do fotógrafo Sandro Miller e na qual o ator norte-americano recria fotografias que se tornaram icónicas, imitando poses, por exemplo, de Pablo Picasso, Salvador Dalí, Alfred Hitchcock e Marilyn Monroe.

 

Da programação do festival faz também parte a antestreia do filme «Variações de Casanova», de Michael Sturminger, uma coprodução portuguesa, francesa, austríaca e alemã e que contou com a participação do Instituto do Cinema e do Audiovisual (ICA), da Câmara Municipal de Lisboa, da Associação de Turismo de Lisboa e da RTP.

 

O filme, em que Malkovich é protagonista, inspira-se na obra «História da Minha Vida», de Giacomo Casanova, e em algumas cenas de óperas de Mozart e Lorenzo da Ponte e foi filmado totalmente em Portugal, nomeadamente no Teatro Nacional de S. Carlos.

 

A antestreia do filme está prevista para 08 de novembro, na Fundação Calouste Gulbenkian, e conta com a presença do realizador e de John Malkovich.