O Festival de Cinema de Cannes arrancou esta quarta-feira em França. As estrelas do cinema europeu e também do de Hollywood encheram a passadeira vermelha de glamour e sofisticação.
 
O primeiro dia do festival ficou marcado pela estreia de "La tête haute" ("De cabeça erguida", em tradução livre), da realizadora francesa Emmanuelle Bercot. Pela primeira vez em quase trinta anos, foi a obra de uma realizadora que abriu o certame. Trata-se de um filme sobre apoio judicial e social a uma criança que cresce sem família e se torna delinquente. 

A edição do festival contempla ainda várias presenças portuguesas, com a exibição de filmes de Miguel Gomes, de Manoel de Oliveira e de Susana Nobre.

Manoel de Oliveira será homenageado com o filme biográfico "Visita ou memórias e confissões", a exibir no dia 21. 

Na Quinzena dos Realizadores estarão os filmes "O inquieto", "O desolado" e "O encantado", que compõem "As mil e uma noites", de Miguel Gomes, assim como a curta-metragem de ficção "Provas, exorcismos", de Susana Nobre.

O Festival de Cannes decorre até ao próximo dia 24.