O filme «Enemy», do realizador Denis Villeneuve, resultado de uma adaptação do livro «O homem duplicado», de José Saramago, estreia esta quinta-feira nas salas de cinema do país, quatro anos depois da morte do Nobel da Literatura.

O filme, que estreou em Espanha a 28 de março, por ser uma coprodução entre o Canadá e a Espanha, tem como argumentista o espanhol Javier Gullón.

«Enemy», que conquistou o Prémio Méliès d'Argent no Festival Internacional de Cinema Fantástico da Catalunha, em Sitges, é realizado pelo canadiano Denis Villeneuve e conta com a participação dos atores Jake Gyllenhaal, Mélanie Laurent, Sarah Gadon e Isabella Rossellini.

O filme foi este ano o principal vencedor dos prémios canadianos do ecrã, conquistando cinco das dez categorias em que estava nomeado, incluindo melhor realização, melhor montagem, melhor cinematografia, melhor música e melhor atriz secundária, Sarah Gadon.

Os produtores descrevem o filme como um «thriller» erótico que explora a mente de um homem em crise.

Adam (Jake Gyllenhaal) é um professor que leva uma vida monótona até que descobre a existência de Anthony, um ator de pouco relevo que é fisicamente igual a ele.

José Saramago faleceu a 18 de junho de 2010.