A polícia de Nova Iorque deteve na terça-feira à noite quatro pessoas suspeitas de terem vendido ao ator Philip Seymour Hoffman a heroína que lhe provocou a morte no último fim de semana.

A detenção aconteceu num apartamento de Manhattan e os quatro detidos estão a ser interrogados pela polícia, revelou a agência Efe.

Philip Seymour Hoffman foi encontrado morto em sua casa, em Nova Iorque, no domingo.

O ator foi distinguido em 2005 com o Óscar de Melhor Ator, pelo seu desempenho no filme «Capote», de Bennett Miller, no qual recriava a figura do escritor norte-americano Truman Capote, autor de «A sangue frio».

Em 2006, o ator norte-americano admitiu publicamente que quase sucumbira ao abuso de drogas quando estudou teatro e cinema, mas conseguira ficar sóbrio num tratamento de reabilitação.

Nascido em 1967, em Nova Iorque, o ator de cinema e de teatro, também encenador, participou em mais de três dezenas de filmes, desde o início da carreira, há mais de duas décadas.

Entre os títulos mais recentes, exibidos em salas comerciais, em Portugal, contam-se «Um Quarteto Único», de Yaron Zilberman, ou «The Master - O Mentor», de Paul Thomas Anderson, e «Moneyball - Jogada de Risco», de Bennett Miller.

«O Mentor» foi escolhido para a abertura da edição de 2012 do Lisbon & Estoril Film Festival.