A comédia «Oito apelidos bascos», do realizador Emilio Martínez Lázaro, tornou-se este fim de semana o filme espanhol com mais espectadores e mais receitas desde que há registos (1996), segundo dados do setor.

A Rentrak, consultora que compara os resultados das bilheteiras em todo o mundo, explica que o filme já acumulou receitas de 43,9 milhões de euros, superando o anterior recorde de 42,4 milhões de euros do filme «Lo imposible».

Centrada nos estereótipos de duas regiões espanholas, a Andaluzia e o País Basco, o filme já bateu o recorde de espetadores na semana passada, com mais de 6,5 milhões de pessoas, liderando a bilheteira há quase um mês.

Com um orçamento de apenas 3 milhões de euros, o filme conta a história de amor entre um andaluz, representado por Dani Rovira, e uma jovem basca interpretada por Clara Lago.