O filme holandês «Travelers In The Night» foi um dos vencedores da edição deste ano do Festival Internacional de Curtas-Metragens de Évora (FIKE), ao conquistar o prémio de «Melhor Ficção», foi divulgado esta segunda-feira.

Rodado em 2013, «Travelers In The Night», do realizador Ena Sendijarevic, conta a história de uma mulher que trabalha num posto de gasolina e que, numa noite, conhece um tipo estranho.

O prémio de «Melhor Documentário» foi para «Cutting Grass», do realizador espanhol Asier Altuna, enquanto o galardão de "Melhor Animação" distinguiu o filme «Canis», de Marc Riba e Anna Solanas, também de Espanha.

O realizador português André Gil Mata recebeu o prémio «Comendador Rui Nabeiro para a Melhor Curta-Metragem Portuguesa», pela película «O Coveiro», que conta a história de uma criança que nasce monstro.

Já o prémio de «Melhor Curta-Metragem Europeia» foi para «Daphné Or The Lovely Specimen», de Sébastien Laudenbach e Sylvain Derosne, de França, e o «Melhor Argumento» para o português Marco Espírito Santo, com "To Cut A Long Story Short".

A curta alemã «Touch Of Silence», de Sven Philipp Pohl, venceu o prémio de «Melhor Fotografia», e «Matilde», do italiano Vito Palmieri, ganhou os prémios de «Melhor Representação» e «Don Quixote», atribuído pelo júri da Federação Internacional de Cineclubes.

O prémio do público foi atribuído à ficção iraquiana «Apartemane Morcheha», de Tofiq Amani, e o da «Organização» entregue a Marie Elsa Sgualdo, da Suíça, pelo filme «You Can't Do Everything At Once, But You Can Leave Everything At Once».

O festival, que decorreu em Évora e em Beja e que terminou no fim de semana, é promovido pela Sociedade Operária de Instrução e Recreio Joaquim António de Aguiar e pelo Cineclube da Universidade de Évora, em parceria com as associações Estação Imagem e Lêndeas d'Encantar, como noticia a Lusa.