Um recorde de cerca de 70 filmes de alunos de cinema e audiovisual de Portugal e Espanha apresentam-se a concurso na edição de 2014 do festival «Encontros de Cinema de Viana do Castelo», anunciou a organização.

A secção competitiva, intitulada «Primeiro Olhar», é um dos destaques da 14ª edição do evento, apresentado publicamente, esta quarta-feira, em Viana do Castelo e que decorrerá na cidade entre 28 de abril e 04 de maio.

Trata-se de uma secção destinada a promover o documentarismo realizado por alunos das escolas de cinema, de audiovisuais e de comunicação, ou ainda por participantes em cursos de formação nessa área, oriundos de Portugal e da Galiza (Espanha).

Os «Encontros» de Viana, cuja organização está a cargo da AO Norte - Associação Local de Produção e Animação Audiovisual, com o apoio da Câmara Municipal local, contam ainda com um ciclo dedicado à arquitetura.

Esta aposta, explicou a direção da AO Norte, resulta de uma parceria com o curso de Design de Ambientes da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Viana do Castelo, e contará também com a participação de alunos de cursos de arquitetura do Porto e Guimarães.

O ciclo «Arquitetura e Cinema-Diálogos» prevê a exibição de filmes realizados por arquitetos portugueses, seguindo-se um debate e um roteiro de visitas guiadas pela cidade. Abordarão três períodos históricos, divididos por décadas, entre 1950 e 2000.

No âmbito deste ciclo vai ser inaugurada já esta quinta-feira uma exposição de desenhos do arquiteto Siza Vieira para a obra «A casinha dos prazeres», de Jean-François Bastide, da editora Abysmo.

A edição deste ano do festival faz-se com um apoio de 21.500 euros da Câmara de Viana do Castelo.

«O orçamento é hoje menos de metade do que o dos primeiros encontros. É francamente pouco, mas é o que temos e é a programação que apresentamos de acordo com os valores que dispomos», sublinhou Rui Ramos, da direção da AO Norte.

O festival de 2014 inclui a terceira edição da Conferência Internacional de Cinema de Viana, este ano com 40 comunicações por investigadores de Espanha, Brasil e Portugal. Visa discutir projetos relacionados com quatro temáticas centrais: o cinema na escola; o cinema e a ciência; novas narrativas e novas tecnologias; e documentário contemporâneo.

As secções destinadas às escolas do concelho, «Filmes Falados», «Histórias na Praça» e ainda a estreia nacional do documentário «Crónica do renascimento de uma aldeia», de José Vieira, são outros dos destaques desta 14.ª edição do festival de cinema de Viana do Castelo.