A curta-metragem "Boa noite Cinderela", de Carlos Conceição, foi selecionada para a Semana da Crítica, evento paralelo ao festival de cinema de Cannes, em França, e cuja seleção de filmes foi anunciada esta segunda-feira.

Dedicada a novos talentos, a Semana da Crítica decorrerá de 15 a 23 de maio, contando com uma competição de longas e curtas-metragens, entre as quais a produção portuguesa «Boa noite Cinderela», de Carlos Conceição.

O realizador recupera o conto popular da Gata Borralheira, contando uma «versão mais carnal, mais materialista, menos romântica, onde é imprecisa a fronteira que separa o desejo de ter e de ser a dona do sapato».

Esta descrição é dada pelo festival IndieLisboa, que também selecionou o filme para a competição de curtas-metragens nacionais da edição deste ano, e que começa na quinta-feira.

«Boa noite Cinderela» conta com Joana de Verona, João Cajuda e David Cabecinha no elenco.

Este é o quinto filme de Carlos Conceição, nascido em Angola em 1979, juntando-se a «Versailles» (2013), «O inferno» (2011), «Carne» (2010) e «Duas aranhas» (2009).

Ao longo de mais de meio século, a Semana da Crítica deu a conhecer a obra de realizadores hoje consagrados e premiados, como Bernardo Bertolucci, Ken Loach, Wong Kar Wai e Jacques Audiard.

No ano passado, o júri da Semana da Crítica foi presidido pelo realizador Miguel Gomes.