"Não haverá acusação alguma nem nada do género", indicou o oficial à France-Presse, falando sob anonimato.