O último episódio de "Anatomia de Grey" deixou os fãs norte-americanos em «choque». Um dos personagens mais importantes da série morreu, e promete mudar a vida da protagonista.

Em Portugal, os fãs só terão de se preocupar com o evento daqui a duas semanas (se seguir a série na FoxLife), mas nos EUA aconteceu na noite passada.

Se não se importa com os chamados «spoilers» aqui vai: a vítima foi Dr. Derek Shepherd (Patrick Dempsey), o que deixa, naturalmente, a protagonista  Meredith Grey (Ellen Pompeo) viúva.

Segundo o «USA Today», o episódio passa-se à volta de um acidente de carro, testemunhado, justamente, pelo doutor, que rapidamente se apressa a ajudar os feridos. A sua própria morte acontece mais tarde quando, ironicamente, deixa o local do acidente e também ele tem um sinistro.

Shepherd é levado para o hospital, mas não há nada a fazer para o salvar. No final, é a própria Meredith que desliga a máquina que o mantém vivo.

Apesar da morte do personagem, o ator Patrick Dempsey mostrou-se satisfeito com os 10 anos que participou na série e mostrou-se grato pelo apoio "incrível" dos fãs.

"Foi uma jornada fantástica", disse o ator ao “TVLine”. “O impacto mundial tem sido extraordinário. É incrível o quanto os fãs são dedicados e serei para sempre grato por esta experiência".


Para a criadora da série, que também escreveu este episódio, o personagem era incrivelmente importante e a sua falta será sentida por «todos».

“Derek Shepherd foi e será um personagem muito importante – para a Meredith, para mim e para os fãs. Nunca imaginei que fosse dizer adeus ao nosso ‘McDreamy’. (…) Vamos sentir todos a sua falta”, disse Shonda Rhimes.