Cláudio Marzo, que se tornou popular em Portugal através das telenovelas da Globo, sofria de vários problemas de saúde. Já a 8 de fevereiro tinha sido internado na sequência de um quadro infeccioso, associado à insuficiência renal e a um enfisema descompensado, diz o boletim clínico do ator, citado pelo jornal «O Globo».

No final do ano passado, a 28 de dezembro, tinha também sido internado  com um quadro de arritmia cardíaca e pneumonia.

 

Claudio Marzo fez parte do primeiro grupo de atores contratados pela Globo, inaugurada em 1965.

Ele nasceu a 26 de setembro de 1940, em São Paulo, filho de uma família de operários e descendente de italianos. Deixou os estudos aos 17 anos para trabalhar como figurante na televisão.

Participou de várias novelas e fez muitas vezes par romântico com Regina Duarte.

Em Portugal, tornou-se popular pelas participações em «Fera Ferida», «Irmãos Coragem» e «Pantanal». O último trabalho em televisão foi em 2008, em «Guerra e Paz», da TV Globo.

Cláudio Marzo como Rafael Nogueira em «Mulheres Apaixonadas» (2003)

Cláudio Marzo como Lázaro Simões em «Desejo Proibido» (2007)

O ator tem três filhos, frutos de cada um dos seus três casamentos, com as atrizes Betty Faria, Denise Dumont e Xuxa Lopes.