O Boletim de Inverno do Banco de Portugal aponta para uma recuperação da atividade económica, com as previsões do crescimento do Produto Interno Bruto para 2014 a subir para 0,8%, em linha com a projeções do Governo, contrastando com as estimativas anteriores, que se ficavam pelos 0,3%.

PCP fala em «crescimento anémico»

CDS-PP fala num «novo ciclo»

Já as projeções para o consumo privado são francamente positivas, fixando-se nos 0,3%, quando o Boletim de Verão estimava uma quebra de 1,4%.

As estimativas nas exportações mostram um avanço ligeiro de 0,1% este ano, relativamente aos 5,8% do Boletim de Outono. Para 2014, as projeções mantêm-se nos 5,5%.

No que toca às importações, o Banco de Portugal prevê uma subida de 0,7% em 2013, sendo que para 2014 o cenário é de um aumento de 3,9%, contra os 2,1 avançados no Boletim de Verão.

O BdP prevê um crescimento do emprego de 0,5% em 2014 e em 2015, embora no documento apenas se pode ler que o «emprego no setor privado deverá apresentar uma redução em 2013, seguida de uma recuperação moderada, aproximadamente em linha com a evolução projetada para a atividade».