A professora de um infantário em Nova Iorque enviou uma carta aos pais a queixar-se do mau cheiro e da sujidade dos alunos.

«Várias crianças, com idades entre os 3 e os 4 anos chegam por vezes diariamente à escola com as roupas sujas e a cheirarem mal. É um problema de saúde pública. Isto só dificulta o meu trabalho com os alunos. Basta!», refere o recado ao que o jornal Mirror teve acesso.

Os pais das crianças estão revoltados com a atitude da professora. Para eles, a docente deveria ter em consideração o facto de quase 30% da população da cidade de Buffalo, em Nova Iorque, viver abaixo do nível de pobreza.

«Ela poderia ter ligado aos pais, não precisava de expor a situação em frente a todos os que frequentam o infantário», revelou uma fonte ao jornal Mirror.

A carta foi enviada sem a aprovação do presidente da associação de pais, mas, a escola decidiu que não irá repreender a docente.