Nicole Maxine Passmore, stripper norte-americana, foi presa após a agressão de um cliente.

De acordo com as autoridades locais, o cliente Ernest Kadlick terá recusado inúmeras vezes os favores da bailarina que acabou por agredi-lo.

Declarações desmentidas pela jovem de 25 anos que afirma ter sido empurrada por Kadlick.

Como não constavam testemunhas da agressão, a norte-americana acabou por deixar a prisão depois de pagar a fiança.

O incidente ocorreu num clube de strip-tease de Myrtle Beach, no estado de Carolina do Sul, nos Estados Unidos.