«Sou Teresa Fidalgo e se não postares isto em mais 20 fotografias, vou dormir contigo para sempre». É este o comentário que anda a assustar meio mundo no Instagram desde a semana passada.

O «fantasma» acrescenta ainda particularidades aos comentários. «Uma rapariga ignorou e a mãe morreu 29 dias depois. Procura-me no Google», pode ler-se.



Mas afinal quem é ou quem foi Teresa Fidalgo? Trata-se de um personagem do filme «A Curva», do produtor David Rebordão. Um filme que já há cerca de sete anos se tornou viral no YouTube e assustou os internautas.

«A Curva» conta a lenda de uma jovem muito bonita chamada Teresa Fidalgo, que morreu em 1983, num acidente trágico, em Sintra. Inconformada com a morte prematura, queria ver toda a gente morta.

O filme passa-se anos depois do trágico acontecimento: três jovens - Tiago, Tânia e David ¿ viajavam de carro na serra de Sintra, fazendo uma espécie de laboratório para um filme de terror. David filmava a viagem. Encontraram uma jovem que pedia boleia. Pararam para dar boleia à jovem, que se apresentou como Teresa Fidalgo.

Uns metros mais à frente, Teresa disse-lhes «foi aqui que tive um acidente e morri». Começou a gritar assustadoramente e fez com que o carro capotasse. Tiago e Tânia morreram. David sobreviveu para contar a história. A câmara só foi encontrada uns anos mais tarde, com o vídeo intacto.