Um avião da Ryanair, que fazia a ligação entre Riga, na Letônia, e Dublin, na Irlanda, foi obrigado a fazer uma aterragem de emergência no Aeroporto de Aarhus, na Dinamarca, depois de um passageiro bêbado ter começado a despir-se e a dançar no corredor do aparelho.

Por causa deste episódio, filmado por outro passageiro, o avião foi obrigado a fazer uma aterragem não programada, o que acabou por provocar um atraso de horas no voo.



Ao pousar no Aeroporto de Aarhus, o homem foi detido pela polícia. «Ele estava inquieto a bordo da aeronave, e os comissários não conseguiam lidar com ele», disse Peter Hallstrøm, agente da polícia dinamarquesa.