A história de Tom e Naomi Shirley tem tanto de trágica como de romântica. Foram casados durante décadas e acabaram por morrer com apenas 15 minutos de intervalo um do outro.

Segundo o «HuffingtonPost», Naomi estava a caminho do hospital para visitar o seu marido, internado devido a problemas de coração, quando teve um ataque cardíaco. Só não chegou a saber que Tom havia falecido há quinze minutos pelo mesmo motivo.

«É profundamente triste, mas também verdadeiramente romântico», disse Barbara Jean Powell, uma amiga da família, ao «Sun-Sentinel».

Tom tinha 83 anos, Naomi 75, viviam em Southwest Ranches, no estado da Flórida, EUA, e são ambos descritos como amantes da natureza e vida selvagem, em especial pelo parque dos «Everglades», que Tom «vivia para proteger», segundo o filho Tommy.

Apesar de devastados pela perda de ambos os pais simultaneamente, os filhos do casal ficam «contentes» por nenhum ter tido de «chorar» a morte do outro.

«Eles eram a vida um do outro», disse Melanie Davis, filha de Tom e Naomi.

O casal deixa quatro filhos e oito netos, que pediram a troca das tradicionais flores por doações à Federação da Vida-selvagem da Flórida.