Um elefante foi resgatado do oceano, perto da cidade de Kokkilai, a cerca de 16 quilómetros da costa nordeste do Sri Lanka, informou a Marinha do país.

De acordo com o The Guardian, o animal foi apanhado por uma corrente e arrastado para alto mar, onde acabou por ser visto por um barco de patrulha.

As autoridades foram enviadas para o local e ajudaram a salvar o elefante. Colocaram cordas no animal e, de seguida, puxaram-no até à praia mais próxima. A operação de resgate demorou 12 horas.

A porta-voz da Marinha, Chaminda Walakuluge, explicou que o elefante, provavelmente, foi arrastado para o mar, enquanto atravessava a lagoa de Kokkilai, que fica localizada entre duas áreas de selva.

Eles costumam percorrer apenas águas rasas ou até nadar para seguirem por um atalho. Esta fuga foi milagrosa para o elefante."

Avinash Krishnan, investigador de um grupo ambiental, afirmou que os elefantes são bons nadadores e que, portanto, o facto de o animal ter sido encontrado tão longe da costa não é tão anormal assim.

Eles são muito bons nadadores. Nadar até cerca de 15 quilómetros da costa não é incomum para um elefante."

Contudo, Avinash destacou que, neste caso, era necessária a intervenção humana, até porque “a água salgada não é boa para a pele dos elefantes”.

Eles não conseguem nadar durante um longo período de tempo, porque queimam muita energia."