O vídeo de um caçador sueco que conseguiu assustar um urso com apenas um grito está a fazer sucesso nas redes sociais.  Ralph Persson, o homem corajoso, colocou o vídeo no Youtube e em apenas um dia já teve cerca de 10 mil visualizações. 

"Gritei tanto quanto podia e tentei parecer maior", contou Persson ao jornal "Hela Hälsingland" numa entrevista realizada a semana passada. 

O homem é caçador de ursos há vários anos e diz ter usado a sua experiência para sobreviver. Persson não acredita que deitar-se e fingir de morto seja mais eficaz que tentar assustar o animal.
 

"Parar e fingir de morto? Não acredito nisso."


O momento foi registado em vídeo pelo próprio e pela esposa, Lena. 




Os especialistas acreditam que os ursos são animais tímidos e normalmente afastam-se dos humanos.

"Desta vez fui até ao limite. Temos de ter respeito pelos animais", acrescentou Persson.

Nos últimos doze meses, houve pelo menos três ataques de urso no norte da Suécia, embora nenhum tenha sido fatal. Todos os anos, centenas de ursos castanhos são abatidos na Suécia num programa de abate anual.

Neste país do norte da Europa, os ataques de ursos são relativamente raros quando comparados com os Estados Unidos, por exemplo, onde morrem, em média, duas pessoas por ano vítimas de ataques de ursos. Já na Suécia, registaram-se apenas duas mortes durante um século.