Um homem nu invadiu uma casa em Chesapeake, Virginia, nos Estados Unidos da América, e, depois de ameaçar os moradores com uma faca, facilitou o trabalho chamando o 112 por própria vontade.

Mark Fulk, de 21 anos, entrou na casa de Jim e Helen Hardee na quarta-feira de manhã. O jovem usava apenas uma pequena toalha que, depois, tirou e pegou numa faca ameaçando o casal, refere o «The Huffington Post».

O suspeito pediu para usar o telefone e ligar para o 112. «Evidentemente perguntaram-lhe a morada e o nome, ele não ficou satisfeito e largou o telefone», disse Jim.

«Ele disse que nos ia matar aos dois. A certa altura, ele disse que íamos morrer os três», revelou Jim ao canal WTVR-TV.

Contudo, quando a polícia chegou, Fulk saiu da casa naturalmente como se nada se tivesse passado.

Fulk foi condenado por assalto e invasão de propriedade e exposição indecente e está, atualmente, na prisão de Chesapeake.