Stephen Smith, um agente da polícia de Grapevine, no Texas, Estados Unidos, surpreendeu a namorada, Amanda Radican, com um pedido de casamento inusitado. Com a ajuda dos colegas, o homem simulou uma operação stop para a pedir em casamento. 

Stephen tinha de ir mais cedo para o trabalho e, propositadamente, esqueceu-se do telemóvel em casa. "Enviei-lhe uma mensagem do telemóvel da minha mãe: 'Olá! O Stephen acabou de me ligar. Ele precisa que lhe vás levar o telemóvel para ele controlar a entrada e a saída do trabalho´", explica o noivo.

Depois, em conluio com os colegas, Stephen rastreou o telemóvel através da aplicação "Find My iPhone" e forjou uma operação stop. Quando Amanda lhe ia levar o telemóvel, foi mandada parar pela polícia.

O colega de Stephen pediu a Amanda a identificação e pediu-lhe depois para sair do carro, explicando-lhe que havia um mandado pendente sobre o carro, por suspeitas de roubo. O pedido podia não ter acabado bem. Ao receber a notícia a mulher ficou em estado de choque, desatou a tremer e não conteve as lágrimas.

Eu estava... Oh, meu Deus! Isto é um grande erro. Não é possível. Eu estava aterrorizada. Estava a enlouquecer”, recorda Amanda.

Pouco depois, Stephen sai do carro de patrulha e surpreendeu Amanda com um anel. 

Quando me virei e o vi, ele já estava de joelhos. Então eu estava do género... isto não está a acontecer, eu estou a imaginar”, acrescentou Amanda.

O momento ficou registado num vídeo que está a circular nas redes sociais e que já conta com milhares de visualizações. A própria polícia de Grapevine também divulgou o vídeo na rede social Facebook.