O dono de uma confeitaria no Paquistão admitiu ter envenenado pelo menos 30 pessoas ao juntar pesticidas aos seus doces, numa tentativa de se vingar do irmão, anunciou esta sexta-feira a polícia.

Khalid Mehmood confessou num tribunal do centro da província de Punjab ter comntaminado doces depois de uma discussão com o irmão mais velho Tariq, igualmente gerente da loja, que o “insultou e maltratou”.

Queria dar-lhe uma lição […] Estava tão irritado que juntei os pesticidas engarrafados aos doces que estavam a ser feitos na altura,” revelou Khalid Mehmood aos agentes policiais.