Um grupo de sete jovens queixou-se às autoridades depois de, alegadamente, terem sido filmadas nuas, enquanto apanhavam banhos de sol num iate privado, informaram as autoridades espanholas.

O incidente ocorreu no último sábado, ao largo de Palma de Maiorca, Espanha, quando a embarcação estava atracada na zona de PortoColom. As mulheres estavam deitadas quando se depararam com o drone a sobrevoar a área, com a luz de gravação ligada.

De acordo com a Guarda Civil, esta é a primeira vez que um caso destes é relatado em Espanha, em que um drone é utilizado como invasão de privacidade em zonas balneares.

As jovens repararam que o drone estava a ser controlado a partir de uma embarcação próxima, a sensivelmente 20 metros, com homens a rirem-se no seu interior.

Segundo o que foi avançado pelo jornal La Vanguardia, os homens tentaram impedir as jovens de apresentar queixa, oferecendo-lhes dinheiro, no entanto, as mulheres não se deixaram demover.

O caso foi denunciado às autoridades espanholas, que já conseguiram identificar os suspeitos.