O Departamento de Turismo da Austrália causou polémica no Facebook quando publicou uma fotografia de um canguru censurada, com os órgãos sexuais apagados da imagem.

Foram feitos mais de 1.500 comentários à fotografia desde que foi publicada na rede social na sexta-feira. Vários expressam descontentamento pela censura aplicada na imagem.

O animal aparece deitado na relva do parque selvagem Featherdale com as pernas abertas a mostrar o órgão sexual para a fotografia. Na descrição da imagem, escreveram: «Aproveitando uma tarde de preguiça no parque selvagem Featherdale. *Censurada para o Facebook».

Um dos comentários, de Natasha Duncan, diz que «é ridículo que os órgãos reprodutores de um animal sejam ocultados». Wendy Jacobs, acompanhando a vaga de fúria, escreveu: «É de loucos! Tenho várias fotografias do meu cão no Facebook e nenhuma delas é censurada».

Em três dias a fotografia recebeu mais de 30 mil «likes» e foi partilhada por mais de cinco mil utilizadores.

Um porta-voz do Turismo disse ao «The Australian» que a censura era uma brincadeira: «Qualquer pessoa que acompanhe a nossa página no Facebook sabe que gostamos de meter uma certa piada nas nossas publicações».