Um homem fantasiado de Homem-Aranha foi preso por ter batido num polícia, quanto este lhe disse para parar de assediar os turistas em Times Square.

Júnior Bispo de Brooklyn foi acusado de agressão a um polícia, resistência à prisão e dano criminal.

O Departamento de Polícia de Nova Iorque disse que o oficial agredido atuou após o jovem de 25 anos ter exigido cinco dólares (3,72€) a uma mulher que tirou uma foto, em vez do um dólar (0,74€) que ela ofereceu.

A polícia alega que Bispo pegou na mão da mulher, estendeu e ameaçou-a dizendo que só aceita 5, 10 ou 20 dólares.

O oficial disse ao mascarado que ele só poderia aceitar sugestões, não exigir o pagamento, o que levou o jovem a insultar o polícia.

O jovem não quis ser identificado pela polícia, o que levou à sua detenção e consequente luta entre ambos.

O oficial, cujo nome não foi divulgado, sofreu uma perfuração no rosto, o que causou para além do corte, inchaço dos olhos.

A prisão do «Homem-Aranha» surge semanas depois da legislação de Nova Iorque dizer que estava a considerar criar uma legislação para regulamentar os personagens fantasiados em Times Square.

Esta já não é a primeira vez que acontecem incidentes similares que envolvem homens mascarados.