Mãe encontra filha passados 77 anos

Minka Disbrow foi obrigada a dar a filha para adopção porque foi violada aos 17 anos

Por: Redação / ACS    |   3 de Janeiro de 2012 às 17:05
Uma mulher norte-americana tentou descobrir o que aconteceu com a filha, que foi obrigada a dar para adopção, depois de ter sido violada aos 17 anos, durante um piquenique com as amigas, e ter engravidado.

Minka Disbrow, actualmente com 100 anos, escreveu durante anos cartas para várias agências de adopção para tentar localizar a filha, uma vez que a única recordação que tinha era uma fotografia a preto e branco com a bébé envolta em lençóis dentro de um cesto, noticia o site brasileiro G1.

Disbrow já conheceu a filha, após 77 anos. A mulher conheceu também os netos e bisnetos e pretende agora viajar para o Alabama para comemorar os 100 anos, completados recentemente, junto da família.
Partilhar
EM BAIXO: Acredite se Quiser
Acredite se Quiser

COMENTÁRIOS

PUB
Casal português no Estado Islâmico, mas porquê?

Reportagem da TVI foi perceber as possíveis motivações de Ângela e Fábio, dois portugueses que, com outros 10, se juntaram ao Estado Islâmico. Ela vivia na Holanda, onde a TVI esteve, para mergulhar no passado e melhor compreender a decisão de se converter ao Islão. EUA já admitem que Estado Islâmico foi subestimado. Portugal apoia coligação internacional contra os rebeldes, mas não envia militares