Foi descoberto esta semana um túnel de nada menos do que 380 metros, sensivelmente o comprimento de quatro campos de futebol, na fronteira entre o México e a Califórnia, depois de uma longa investigação que abrangeu várias agências locais e federais. 

Foi cavado a partir de um restaurante entre Caléxico, na Califórnia, e Mexicali, no México, terminando numa casa a 274 metros da fronteira mexicana. 

(Reprodução Twitter)



O dito túnel estava a operar já desde fevereiro, segundo a Agência para o Controle de Drogas (DEA), o Serviço de Imigração e Controle de Alfândegas (ICE) e a Patrulha de Fronteiras, entre as outras entidades que colaboraram na investigação.

Como resultado da operação, foram detidas quatro pessoas, duas em Caléxico e duas em Nogales, no Arizona. Foi igualmente apreendida uma tonelada de droga com um valor aproximado de cerca de 5,4 milhões de euros.

Não é a primeira vez que as autoridades descobrem túneis de droga nesta região. Em abril de 2015, por exemplo, encontraram outro mas com recursos tecnológicos muito mais sofisticados: ventilação, iluminação e um sistema de transporte que começava em Mexicali e desembocava em um canal perto de Caléxico.