Mark Zuckerberg está a ser ouvido pelo segundo dia no Congresso norte-americano e, para além de o discurso ser bastante relevante sobre o que se passou no escândalo da Cambridge Analytica, há outro motivo de interesse.

O CEO do Facebook está sentado em cima de uma almofada e há duas hipóteses: ou para estar mais alto ou para se sentir confortável.

A audiência já leva mais de três horas.