Um "penny", que representa cinco cêntimos de dólar norte-americano, cunhado em vidro foi vendido quinta-feira em leilão por 70.500 dólares, cerca de 66.900 euros.

Segundo a casa de leilões Heritage Auctions, a moeda é muito provavelmente um exemplar único, resultado de uma experiência da Casa da Moeda norte-americana durante a Segunda Guerra Mundial. Foi vendida em Fort Lauderdale, na Florida, a um comprador norte-americano que preferiu manter-se no anonimato.

Durante a Segunda Guerra Mundial, o cobre era o metal mais utilizado nas moedas de cinco cêntimos nos Estados Unidos. Como era necessário para o fabrico de munições, a Casa da Moeda norte-americana autorizou a realização de testes com outros materiais. Foram assim cunhados "pennies" noutros metais, em plástico e mesmo em borracha, que ficaram fora de circulação.