Jemmaroid von Laalaa. É este o novo nome de Jemma Rogers, depois de ter usado o mesmo para criar uma conta no Facebook e a rede social a ter desativado por o nome não ser real.

Decidida a não perder todas as memórias que tinha criado online, a londrina decidiu mudar oficialmente o nome para o pseudónimo que tinha escolhido para não ser encontrada facilmente na rede social. Mas nem isso ajudou.

Segundo o “Independent”, antes de mudar o nome, Jemma adulterou os cartões de crédito. Retirou “Jemma Rogers” e adicionou “Jemmaroid von Laalaa”. Enviou os documentos para o site, que, percebendo a fraude, suspendeu o acesso à conta um dia depois.

Foi então que Jemma mudou o nome para  Jemmaroid von Laalaa. Apesar do esforço, o Facebook não restituiu o acesso à conta e continua a enviar respostas automáticas aos vários pedidos de Jemma.

“Não acredito que eu estou presa a este nome estúpido e ainda assim não posso entrar no Facebook. Sei que fui completamente imbecil, mas o Facebook está a ser ridículo. Fui impedida de aceder à minha conta por cinco semanas e perdi todas as minhas fotos, mensagens e preciosas memórias. O Facebook deve ser capaz de dizer que se trata de uma conta genuína, mas sobre um nome falso. Não acredito que estou a ser punida dessa forma”, afirma, Jemma, ou Jemmaroid, ao jornal.


A rede social ainda não se pronunciou sobre o caso e Jemma continua sem acesso à conta.