Um prisioneiro foi libertado por engano, no Reino Unido, depois de uma aparente confusão que envolveu outro preso com o mesmo apelido. Os serviços prisionais abriram um inquérito para apurar como é que o recluso, identificado num relatório como Anthony Douglas, foi libertado «erradamente» do estabelecimento prisional HMP Hewell, em Worcestershire.

De acordo com o jornal britânico «The Guardian», Douglas, com cerca de 20 anos e natural de Burton-on-Trent, terá sido libertado em vez de outro recluso que tinha acabado de cumprir a pena. Anthony Douglas voltou entretanto a ser detido e regressou à prisão um dia após o erro que ocorreu a semana passada no HMP Hewell.

Um porta-voz do estabelecimento prisional confirmou aos jornalistas que um recluso foi libertado por engano no dia 2 de julho.

«A polícia foi imediatamente notificada e ele foi recapturado no dia 3 de julho. Foi aberto um inquérito. Nós levamos a segurança pública muito a sério e este tipo de incidente é uma ocorrência muito rara, mas lamentável», afirmou.