Um pombo é suspeito de ter começado um incêndio num apartamento em Londres, no Reino Unido. Os bombeiros acreditam que a ave levou uma beata de cigarro incandescente para o ninho, no telhado do edifício, que começou o fogo.

De acordo com a BBC News, o telhado de um edifício em Stockwell, no sul de Londres, ficou danificado durante um incêndio, que obrigou a retirar nove pessoas.

O incêndio foi combatido por 21 bombeiros e não causou feridos, danificando apenas o telhado do edifício. Aconteceu no dia 5 de março, mas entretanto os bombeiros chegaram à conclusão de que se trata de um caso de fogo posto por um animal.

«Quando investigámos o telhado, não vimos nenhuma fonte de ignição evidente. Ninguém tinha estado no telhado recentemente e não havia cabos elétricos que pudessem ter causado faísca», explicou Matt Cullen, dos Bombeiros de Londres.

«Procurámos por todo o lado, e a surpresa foi quando descobrimos um ninho de pombos parcialmente queimado», afirmou Matt Cullen. De acordo com o investigador dos Bombeiros de Londres, os vizinhos dizem ser frequente haver pássaros a entrar por um buraco no teto do edifício.

«Acreditamos que um dos pombos apanhou uma beata de cigarro ainda incandescente e a levou para o ninho, causando o incêndio, que se alastrou a todo o telhado», concluiu Matt Cullen.