O gás metano expelido por vacas provocou, na segunda-feira, uma explosão num celeiro, na Alemanha. A explosão feriu um dos animais e danificou o teto do estábulo na localidade de Rasdorf, na região central do país.

O gás acumulou-se com a flatulência e arrotos expelidos por cerca de 90 vacas, que se acumulou no local. A polícia disse à agência Reuters que um foco de «energia elétrica estática provocou a explosão do gás».

Os serviços de emergência que visitaram a quinta realizaram medições de gás metano no local.

Cada vaca é capaz de emitir 500 litros de gás metano por dia. O impacto ambiental da pecuária é alto, já que o metano é nocivo ao meio ambiente. As vacas também expelem amónio, que pode danificar o solo e a água, devido ao nível tóxico de acidificação.