Há quem faça tudo para emagrecer, por mais por mais estranho e perigoso que possa ser. A última tendência é ingerir algodão embebido em sumo para se sentir satisfeito e não comer mais. Os especialistas são totalmente contra a prática, que inclui risco de asfixia, desnutrição e obstrução do trato intestinal. A notícia é avançada por alguns órgãos norte-americanos de comunicação como a ABC News, a revista «Time» ou o jornal britânico Daily Mail.

As bolas sintéticas de algodão, feitas de fibras de poliéster branqueadas, contêm uma grande quantidade de produtos químicos. «A roupa também é feita de poliéster. Por isso, engolir uma bola de algodão sintético é como mergulhar a camisa ou a t-shirt em sumo de laranja e comer», afirma Brandi Koskie, editor do site Diets in Review, à ABC News.

Já a obstrução intestinal pode ocorrer devido a um aglomerado constituído por cabelos ou fibra, que se forma no estômago e pode migrar para o intestino.

«As causas mais comuns de aglomerados são engolir matéria que não é digerida, como cabelo ou fibra vegetal. Bolas de algodão podem certamente criar problemas similares. Com o tempo, as bolas podem acumular-se e criar vários bloqueios ou obstrução completa. Qualquer uma dessas condições pode ser fatal», afirma o médico Ovidio Bermudez, do Eating Recovery Center, nos Estados Unidos.