Um homem, de 49 anos, pediu um copo de vinho num café, mas foi-lhe servido acidentalmente um copo de detergente de lavar loiça. Este acabou por morrer no local. Incidente aconteceu em Benicarló, Espanha. Proprietário do café foi detido pela Guardia Civil e constituído arguido numa investigação, mas acabou por sair em liberdade depois de ser ouvido pelas autoridades, avança o jornal El Periódico Mediterraneo.

A vítima, chamava-se Andrés Lorente, sentiu quase de imediato uma sensação de ardor e acabou por desfalecer no café. As equipas de emergência que ocorreram ao local transportaram-no para o hospital, no entanto, este veio a morrer devido a queimaduras internas graves.

Andrés Lorente era divorciado e tinha dois filhos.

O detergente industrial estava guardado numa garrafa de vinho vazia. Esta foi colocada, por engano, no frigorífico por um dos empregados do café.