Claire Stoneman é dona de um cão de apenas 18 meses mas com uma altura que impressiona. O Freddy tem 2,1 metros e já estragou 14 sofás na sua residência em Inglaterra. A mulher evita passear o dogue alemão durante o dia de forma a evitar assustar as pessoas.

A dona tem noção que o «pequeno» cão pode deixar as pessoas com muito medo. Em Essex, Inglaterra, é à noite que Freddy sai a rua, para evitar não só as pessoas como também outros cães. Como diz a mulher de 38 anos, «além de assustar moradores, se ele decidir correr atrás de outro cão para brincar, não vou conseguir segurá-lo».

O animal mede 1,04 metros da pata à região da cernelha. Freddy ainda fica atrás de Zeus, o cão residente em Michingan, nos EUA, na luta pelo título de «maior cão do mundo» registado pelo Guiness World Record por uma diferença de 8 centímetros.

O inglês deverá mesmo ultrapassar o recorde de Zeus nos próximos meses visto que ainda se encontra em fase desenvolvimento.

Para além dos sofás, Claire gasta cerca de 90€ por semana para alimentar o dogue alemão.