“O Travis já está comigo há vários anos. Ele estava abandonado e eu salvei-o quando vivia na Grécia. Deixava-lhe comida e água. No começo, ele escondia-se nos arbustos, até que começou a ter coragem para chegar até mim. Um dia ele roubou-me os sapatos e, com isso, roubou o meu coração”, explicou a holandesa, citada pelo "Mirror".

Dominique e o gato Doerack viveram juntos durantes 16 anos, mas o animal teve de ser abatido.

"Pôr o Doerack a dormir foi horrível, mas sinto-me sortuda por ter vivido 16 anos maravilhosos com ele. É por isso que estou agora a planear casar-me com o Travis. Ele deu-me tanta felicidade e amor incondicional. Eu só quero comemorar essa ligação”, confessou.

De acordo com o "Mirror", o casamento vai ser celebrado através do site  Mary Your Pet, criado pela holandesa, em 2003. No site, Dominique aprova pedidos de matrimónio solicitados por pessoas que desejam casar com os seus animais de estimação.

 

A cerimónia é celebrada virtualmente e de seguida os “noivos” recebem um certificado. A única regra do Mary Your Pet é que o divórcio não é uma opção.

 

“A diferença entre uma cerimónia na igreja e a minha capela online é que eu não permito o divórcio. Não quero deixar que ninguém abandone o seu animal de estimação”, defendeu Dominique.