As imagens de segurança do autocarro mostram a menina, toda molhada, a ser ajudada a subir para o autocarro por um homem, que vai embora assim que a deixa em segurança. Perplexos com a situação os passageiros perguntaram à menina o que ela estava ali a fazer e ela explicou que se vestiu sozinha e saiu de casa pela porta traseira.

«Tudo o que eu quero é um Slushie - foi o que a menina disse. Ela sabia exatamente para onde estava a ir. Por isso já devia ter feito este caminho antes», explicou o motorista de 52 anos, Halan Jenifer, que fazia o turno da noite e pediu ajuda para identificar a menina e a entregar à família.

«Não consigo agradecer o suficiente. Gostava de poder abraça-lo agora, gostava mesmo. Não há palavras. Ele salvou a vida da minha filha», afirma a mãe, referindo-se ao motorista.

A polícia levou a menina para o hospital onde esperou pela mãe.