logotipo tvi24

Ligou ao 112 porque a mulher não o deixava ir ao Facebook «em paz»

Norte-americano vai ter agora de cumprir 60 dias de prisão

Por: Redacção / CP    |   2012-03-23 15:19

Um norte-americano de 57 anos foi detido por ter ligado o número de emergência para se queixar que a mulher não o deixava ir ao Facebook «em paz».

Segundo relata o «Huffington Post», Doyle Hardwick ligou para o 911 (112) e começou a queixar-se ao operador que a mulher não ia para a cama. «Ele estava chateado porque a esposa estava ao lado dele e não ia dormir», contou a polícia.

O homem apresentava sinais de alcoolismo e admitiu que tinha dado várias cervejas à mulher para tentar que esta adormecesse.

Doyle Hardwick foi condenado a 60 dias de prisão, fugiu, mas entregou-se esta terça-feira para finalmente cumprir a pena.

Partilhar
EM BAIXO: Facebook
Facebook

Paciente faz operação e acorda sem órgão sexual
Norte-americano faz queixa em tribunal contra o hospital
O vídeo que Kim Jong-un não quer que você veja
A cara do ditador norte-coreano aparece noutros corpos a cantar e a dançar
Homem bate recorde com tatuagens de Homer Simpson
Lee Weir tem 41 tatuagens da personagem Homer no braço
EM MANCHETE
BES poderá recorrer à ajuda do Estado
A TVI sabe o banco está a ponderar um reforço de capital e uma das hipóteses serão os 6 mil milhões de euros que o Estado ainda dispõe
Ricardo Salgado disposto a colaborar com a justiça
BES deve assumir 800 milhões de dívida do GES