logotipo tvi24

Ligou ao 112 porque a mulher não o deixava ir ao Facebook «em paz»

Norte-americano vai ter agora de cumprir 60 dias de prisão

Por: Redacção / CP    |   2012-03-23 15:19

Um norte-americano de 57 anos foi detido por ter ligado o número de emergência para se queixar que a mulher não o deixava ir ao Facebook «em paz».

Segundo relata o «Huffington Post», Doyle Hardwick ligou para o 911 (112) e começou a queixar-se ao operador que a mulher não ia para a cama. «Ele estava chateado porque a esposa estava ao lado dele e não ia dormir», contou a polícia.

O homem apresentava sinais de alcoolismo e admitiu que tinha dado várias cervejas à mulher para tentar que esta adormecesse.

Doyle Hardwick foi condenado a 60 dias de prisão, fugiu, mas entregou-se esta terça-feira para finalmente cumprir a pena.

Partilhar
EM BAIXO: Facebook
Facebook

Pai vira sucesso na internet depois de «clonar» #selfie do filho
Americano até imitou expressões faciais do filho
Mulher encontra pata de pássaro em salada
Americana fez informação chegar à administração de medicamentos e alimentação
Um vídeo de cortar a respiração
Ainda não se sabe como é que o homem sobreviveu
EM MANCHETE
Queda de muro em Braga mata três universitários
Estudantes eram todos caloiros. «Guerra de cursos» terá estado na origem do acidente
Execução orçamental: défice cai, mas despesa aumenta
Passos quer «fazer a função pública respirar»