Um Jaguar XKE modelo 1967, que tinha sido roubado nesse ano, foi agora encontrado na Holanda e vai ser devolvido ao dono.

De acordo com o site «Globo», o roubo aconteceu numa rua de Manhattan, na cidade norte-americana de Nova Iorque. O Jaguar pertence a Ivan Schneider, um advogado que na altura tinha 36 anos. Hoje com 82 anos e reformado, Schneider conta que aquele automóvel fazia parte da sua vida. O homem «percorria as ruas nova-iorquinas a mais de 160 km/h» e, «quando o roubaram, pensou que perdeu uma parte da sua vida».

A equipa de investigação que permitiu o final feliz é especializada em averiguar o envio de automóveis para fora dos EUA. O Jaguar de Schneider tinha sido enviado para a Holanda em agosto. A polícia de Los Angeles encontrou-o, conseguiu bloquear o desembarque e reencaminhá-lo de volta aos EUA.





Javier Larios, um dos polícias responsáveis pela operação, conta que a pessoa que aguardava a entrega do Jaguar na Holanda tinha comprado o carro poucos meses antes.

O advogado reformado vai agora investir cerca de 60 mil dólares (perto de 47 mil euros) no restauro do clássico para depois o levar de volta a casa. «Vou trazer o meu Jaguar outra vez para Nova Iorque e estou disposto a gastar tudo o que for preciso para poder conduzir e vê-lo lindo outra vez. Este é meu presente de Natal», afirma Ivan Schneider.