A estátua de homem, em cuecas, chamada «Sonâmbulo», tem causado alguma polémica na Universidade de Wellesley, no Massachusetts, EUA, escreve a «Time» na sua página online. A estátua é muito «realista» e, por isso, «assustadora».

A peça faz parte de uma exposição do Museu Davis, que faz parte da instituição de ensino superior. Foi colocada na rua de mais trânsito do Campus, junto à berma. Esta universidade é apenas frequentada por mulheres.

Um grupo de alunas ficou «indignado» com a estátua e lançou uma petição para que esta seja retirada. Alegam que não foi pedida autorização e que, em poucas horas, esta despertou «medo» entre as jovens. Cada vez que olham para «o homem», despido, apenas com umas cuecas, muitas pensam que podem ser alvo de abuso sexual. A petição já tem 340 assinaturas.

Lisa Fischman, diretora do museu explicou que a estátua foi colocada para «inspirar a narrativa» e provocar «diálogo». Admite que algumas alunas não gostaram da instalação, mas que «outros têm apreciado o trabalho».

Sarah Wall-Randell, professora de inglês na instituição afirmou ao jornal «Boston Globe» que considera a estátua «perturbadora, mas num bom sentido».