«Ele estava a ter problemas tecnológicos e por isso destruiu o computador», explica o porta-voz da polícia de Colorado Springs, nos Estados Unidos, citado pela BBC.