Ed Houben é holandês e um homem generoso. Ele tem relações sexuais com mulheres que o procuram com o intuito de engravidarem. E faz isso gratuitamente. Em 12 anos, Ed Houben já terá tido 98 filhos. Quer chegar aos 100.

Houben é guia turístico e auto-intitula-se «doador de esperma por caridade». As beneficiadas com a sua boa-vontade são casais de lésbicas, mulheres solteiras ou mesmo mulheres inférteis ou casadas com maridos inférteis.

Começou a doar esperma gratuitamente em 2002. Mas quando a Holanda proibiu as doações anónimas de esperma, Houben passou a oferecer os seus serviços gratuitamente pela internet, adianta a BBC.

Agora, faz as doações de «maneira tradicional», porque, diz ele, «as hipóteses de engravidar são maiores». Os motivos de tanta generosidade, diz ele também, prendem-se com «a bela esperança de criar uma nova vida que será muito amada e bem cuidada».

Ed conhece a maioria dos seus filhos e até recebe presentes do Dia do Pai. E pensou em tudo: no computador, mantém uma lista atualizada dos descendentes para reduzir o risco deles terem filhos entre si. «Se, mais tarde, um de meus filhos encontrar alguém que não sabe quem é seu pai biológico, ele pode consultar esta lista», diz ele.