Dois criadores de cães de caça tiveram uma surpresa com a sua última ninhada de cachorros. Dois dos novos animais não nasceram com as cores castanhas e brancas características da sua mãe, mas sim com o pelo completamente verde.

Os cães nasceram no início de junho, em Laguna de Duerdo, na Espanha, e ainda não existe explicação para o sucedido. Aida Vallelado Molina, que cria cães de caça com o seu pai, não queria acreditar no que estava a ver.

«Eu achei que eles estavam sujos e tentei limpá-los, mas a cor não saiu. Eu não queria acreditar quando os vi», disse Molina ao «The Local».

Os cachorros «verdes» eram mais fracos que o resto da ninhada e um acabou por morrer, pouco tempo após o parto. O outro, continua vivo, mas mantém-se fraco e está a perder a pigmentação que tanto intrigou os seus donos.

Daniel Valverde, um veterinário local, está a investigar a causa da morte do primeiro cachorro, e o porquê de ter nascido com aquela pigmentação, ainda que não consiga avançar qualquer explicação.

«Não há registo de casos como este na literatura científica espanhola», disse o veterinário ao «Laguna al Día».

Um caso similar foi detetado em 2012, no Reino Unido, onde um labrador também deu à luz um cão com pelo verde. Alguns especialistas acreditam que possa ter sido exposto a uma substância chamada «biliverdin», que pode ser encontrada na placenta e é normalmente responsável pela cor esverdeada vista em nódoas-negras.