A justiça belga proibiu um bordel de usar as iniciais que faziam referência a Dominique Strauss-Kahn, o ex-presidente do FMI.

O «DSKlub» de Dominique Alderweireld terá agora de mudar o nome do bordel que tem em Blaton, na Bélgica.

Recorde-se que Strauss-Kahn foi obrigado a abandonar o FMI em 2011 após o escândalo sexual em que se viu envolvido.