Duas crianças destruíram uma peça de arte do Museu de Vidro de Shangai, na China, e o momento ficou registado. Os dois meninos estavam acompanhados por dois adultos, que observaram o episódio, sem intervir, e ainda gravaram a cena com o telemóvel.

A peça de arte em questão chama-se “Angel is Waiting” (“O Anjo está à espera”), de uma artista pioneira no trabalho com vidro, Shelly Xue. A obra demorou 27 meses a ser construída e era dedicada à filha recém-nascida de Xue, revela o Independent.

Nas imagens da câmara de videovigilância podem ver-se dois meninos a brincar à frente da peça de arte e, por vezes, a agarrá-la, enquanto os dois adultos gravavam a brincadeira com os telemóveis. As mulheres não intervieram na brincadeira das crianças, até a peça se ter partido.

Após a destruição, o artista decidiu não reconstruir a peça, que ganhou um novo nome: “Broken” (“Partido”).

A direção do museu não anunciou se os envolvidos no incidente foram punidos, mas sabe-se que as imagens foram divulgadas pelo museu na esperança de evitar danos futuros.