O Google Street View foi testemunha de um «homicídio» em plena rua de Edimburgo, na Escócia, e as autoridades foram chamadas ao local, avança o Telegraph.

Tudo não passou de uma brincadeira entre Dan Thompson, de 56 anos, e Gary Kerr, de 31, que decidiram brincar quando viram o carro da empresa a aproximar-se do local.

«Reconheci o carro da Google a chegar à rua com a câmara no topo. Pensámos que tínhamos de fazer alguma coisa porque esta oportunidade não acontece muitas vezes e por isso o Gary pegou num machado e corremos para a rua», revelou Thompson, acrescentando que tiveram apenas um minuto até que o carro passasse por eles.

«Decidimos muito rápido o que iríamos fazer e deitei-me no chão enquanto o Gary ficou sobre mim com o machado na mão», revelou ainda.

Os dois amigos juntam-se assim às inúmeras pessoas que posaram de forma propositada para as câmaras do Google Street View.

Os dois mecânicos posaram para o falso homicídio em agosto de 2012 e só se voltaram a lembrar do sucedido quando, em agosto de 2013, a polícia apareceu à porta da garagem Tomson Motor Company, depois de ter sido chamada por alguém que viu a imagem e pensou que era real: «a polícia disse que era hilariante e foi embora».