Um menino de 12 anos decidiu reportar um crime contra os pais, na passada quinta-feira, à polícia da Nova Escócia, no Canadá. O caso foi relatado pela polícia do Canadá e divulgado online.

Depois de ver os pais darem-lhe salada para jantar por duas vezes, o que o desagradou, o jovem não esteve com meias medias e pegou no telefone para ligar para o 911 (equivalente ao 112 português) a pedir ajuda. Por duas vezes: a primeira para pedir ajuda e a segunda para perguntar quando é que a ajuda chegava porque ele não gostava mesmo de salada.

Quando a polícia chegou ao local para tomar conta da ocorrência, as autoridades conversaram com o menor e explicaram-lhe não só a importância de ter uma alimentação variada como em que situações deve ligar para o número de emergência.

"Enquanto muitos podem relacionar-se com o não gostar de salada, esta situação levanta uma questão que justifica a discussão em todas as idades. O uso indevido do 911 é um problema em todas as faixas etárias e envolve recursos valiosos que impedem as equipas de emergência de lidar com situações reais", alertou o agente Dal Hutchinson em comunicado.