Como reagiria se o seu médico lhe «receitasse» sexo para manter-se em forma e melhorar a sua saúde? Por enquanto, tal ainda não acontece, mas é provável que venha a acontecer uma vez que são cada vez mais os estudos que revelam que o sexo queima mais calorias do que caminhar meia hora.

Uma equipa de investigadores da Universidade do Quebec publicou um estudo na revista científica «PlosOne» onde, através de pulseiras, conseguiu descobrir o gasto calórico quer durante as relações sexuais quer durante uma corrida de meia hora numa passadeira, com intensidade moderada.

Assim sendo, 21 um casais jovens e saudáveis, de 18 a 35 anos, tiveram quatro encontros - de 25 minutos cada - e fizeram a mesma corrida e, quando comparados os resultados, concluiu-se que os participantes gastaram mais calorias a correr durante meia hora do que a fazer amor, o que é razoável. No entanto, os resultados mostraram também que o ato sexual é um exercício mais intenso que caminhar durante meia hora.

«Em comparação, o nível de intensidade que se exerce durante a atividade sexual podia ser maior do que caminhar uns 4,8 quilómetros por hora, mas é inferior a correr oito quilómetros por hora», pode ler-se no estudo.

Homens consomem 101 calorias durante ato sexual

O número de calorias consumidas pelos homens durante o ato sexual atinge as 101, numa media de 4,2 por minuto, sendo que as mulheres apenas consomem apenas 69. No entanto, os investigadores não conseguiram encontrar uma explicação científica para esta diferença.

Já no que diz respeito às caminhadas de meia hora, os homens gastam 276 calorias e as mulheres 213. Durante a investigação, estes números só foram superados por um dos amantes, que durante o coito consumiu 306 calorias.

A análise dos dados levou a que os investigadores considerassem que a prática sexual pode ser um «exercício significativo».

Os autores do estudo entendem que este «pode ter implicações para a planificação dos programas de estilo de vida saudável por parte dos profissionais de saúde».

Por isso não se admire se o seu médico, daqui as uns tempos, lhe prescrever «sexo para manter a forma física».