Se já foi a um Starbucks, provavelmente perguntaram-lhe o seu nome para colarem uma etiqueta nos característicos copos de café. Mas não é em todos os estabelecimentos que isso acontece: há um Starbucks, nos EUA, cujos clientes são da CIA, a agência secreta norte-americana e, por isso, não convém fazer esse tipo de perguntas.

É provavelmente a única sucursal do mundo onde é proibido fazer a pergunta da praxe. Os funcionários estão, inclusive, proibidos de revelar quaisquer pormenores e informações desse Starbucks ao seus amigos e familiares, porque ele fica localizado, precisamente, no interior da CIA, em Langley, Virginia.

Certo é que esse Starbucks, embora seja «A loja número 1» é mais conhecido como «Starbucks clandestino», segundo o «The Washington Post».

Há muito mistério por detrás deste que podia ser apenas mais um na rede Starbucks. Reza a lenda que é o mais ativo no mundo, pelo alto consumo de cafeína. Embora, no início, se tenha tentado, os agentes secretos ficavam incomodados de dar quaisquer informações.